Mensagem para a Solenidade da Santíssima Trindade

Estimados irmãos e irmãs!

    Quando eu era criança minha mãe me ensinou a fazer o sinal da cruz: “Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém!”. Toda as vezes em que rezamos ou nos reunimos fazemos o sinal da cruz.

  Hoje, celebramos a solenidade da Santíssima Trindade. Celebrar esta solenidade, justamente no domingo depois de Pentecostes,  pode ser interpretado como um olhar agradecido sobre o cumprimento da salvação que é realizado pelo Pai, através do Filho e no Espírito Santo.

   Os discípulos iluminados pela Páscoa de Jesus,  ensinam a exercer uma missão universal,  destinada a todos os povos,  sem preconceitos. Eles mostram que o ensino e o Batismo,  duas fases essenciais da iniciação cristã, qualificam o ministério a serviço do Reino.

   O discípulo era instruído a acolher e praticar as palavras e os gestos de Jesus, mediante o caminho do catecumenato. O Batismo selava a comunhão do discípulo com o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Jesus promete estar com todos os que seguem seu projeto  “até o fim dos tempos”, até a vinda do Reino de Deus em sua plenitude.

   A Trindade celebra o amor do Pai, manifestado no dom gratuito do Filho e na ação do Espírito Santo.  Na Trindade,  reconhecemos também o modelo de Igreja,  à qual fomos chamados para nos amarmos como Jesus nos amou.

    O amor é o sinal concreto que manifesta a fé em Deus Pai, Filho e Espírito Santo. Ele é o distintivo do cristão,  como Jesus nos disse: “Nisto conhecerão todos que sois os meus discípulos: se vos amardes uns aos outros” (Jo 13, 35).

    Por meio da Palavra e da Oração,  sobretudo,  com a nossa vida cristã e nosso testemunho, anunciamos a mensagem de Jesus que desperta a alegria de  novos seguidores para a Igreja. A ação do Espírito Santo,  recorda as palavras e os gestos compassivos de Jesus (Jo 14, 26), nos conduz a anunciar o Evangelho com a ousadia de São Paulo que afirma: “Aí de mim se eu não anunciar o Evangelho!” (1Cor 9,16).

   Como padre, pastor e pai espiritual da Paróquia São José do Jaguaré,  eu vos abençoo: ‘Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.  Amém!’

Pe Laudeni Ramos Barbosa,  CSC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *