Rua Batolomeu de Ribeira, 33 Jaguaré
05330-010 São Paulo SP

011-3768-2781

E-mail.: paroquiasaojosejaguare@gmail.com

Mensagem para o 3º Domingo da Páscoa

Estimados irmãos e irmãs!

Dia 1 de maio é o Dia de São José Operário e Dia do Trabalhador. Dia da Romaria da Arquidiocese de São Paulo à Aparecida. Dois ônibus saíram da Paróquia São José do Jaguaré para a Aparecida.  Estamos retornando à Igreja após dois anos e meio de pandemia. As atividades pastorais retornam de forma gradativa.

Percebo a presença significativa de fiéis nas celebrações.  Maio, costuma-se dizer: “É o mês de Nossa Senhora”. Antigamente,  as noivas preferiam casar  no mês de maio. Hoje, poucos querem casar na Igreja. Mas continua a devoção à Nossa Senhora. Que São José abençoe a todos os trabalhadores,  sobretudo,  os desempregados. As famílias que lutam diariamente pelo pão de cada dia.

Mesmo sendo, o Dia de São José Operário prevalece a Missa no Terceiro Domingo da Páscoa. Afinal,  o tempo Pascal é o coração da Liturgia. Tudo está envolto no anúncio do Cristo Ressuscitado. Ele aparece de diversas maneiras a diversas pessoas, como por exemplo,  a Maria Madalena e aos Discípulos de Emaus.

Pedro que negou Jesus três vezes,  agora, diante  de Jesus Ressuscitado, Pedro confessa  de coração que o ama. E  Jesus  lhe pede: “Apascenta as minhas ovelhas(cf. Jo 21, 15-17).  Pedro mais maduro e  corajoso é preso por anunciar o Cristo Ressuscitado. Ameaçado pelos sumo-sacerdotes, Pedro diz que só obedece a Deus. “É preciso obedecer a Deus,  antes aos homens” (At 5,29). Hoje, precisamos ter coragem para anunciar Jesus Cristo num mundo cheio de aparências e de mentiras.

Pe Laudeni Ramos Barbosa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.